quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

A Inscrição do Silêncio




Resultado de imagem para imagem de pintura de alexandrina karadjova



 As palavras são folhas
Do meu caderno por dentro do corpo.
As anotações registradas na minha
          Alma
Tocam musica,
Plasmada do silêncio
       Que eu sou.




Suzete Brainer (Direitos autorais registrados)

Imagem: Obra de Alexandrina karadjova.




13 comentários:

  1. Hoje identifiquei-me com o seu poema!

    Alma desinquietada...
    Beijo, e uma boa noite!

    ResponderExcluir
  2. Boa noite, querida amiga Suzete!
    Como fico feliz ao encontrar um post poema novo!
    Aqui, percebi que também tenho um caderno em meu corpo.
    O vídeo é lindo e estou ouvindo para meu deleite.
    Também confirmo por aqui o silêncio meu que é purificado pela música...
    Tudo tão lindo em tão poucas palavras.
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    🌺🌹🌷🌼💐🌸🏵🙏

    ResponderExcluir
  3. Uma pérola teu poema! E, com Chopin, o toque de elegância - apanágio de tua escrita.
    É sempre um prazer ler-te!

    Beijos, minha amiga. E que viva a poesia!

    ResponderExcluir
  4. Muito bonito :))

    O nosso amigo Gil António, diz :- Amar-te na tua essência de mulher

    Bjos
    Votos de uma óptima Quinta - Feira

    ResponderExcluir
  5. Muito bonito poema, Suzete! E Chopin, com seu Nocturne é um dos meus clássicos preferidos. Escutava todos os dias quando estava grávida da minha primeira filha (bota anos nisso). Me acalmava, me enternecia.
    Beijo, querida.

    ResponderExcluir
  6. Suzete, minha amiga

    Poema de uma expressividade poética invulgar!
    é, de facto, necessário muita sensibilidade e talento para, pela alquimia da palavra, povoar o deliberado silêncio com a mágica efusão de musica, na vibração do Ser Poético (a alma do Poeta).

    grato pela partilha
    e agradeço também a solicitude e atenção carinhosa que te merece
    o meu blog.

    beijo, grato

    ResponderExcluir
  7. E eu adoro esse seu caderno, donde saem palavras admiráveis como estas.
    Gostei imenso, parabéns pelo seu talento.
    Suzete, continuação de boa semana.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  8. Suzete , deste caderno só saem palavras que encantam . Como é bom vir ao seu espaço de doçura . Obrigada . Beijos , amiga .

    ResponderExcluir
  9. Olá Suzete querida


    Foi o poema mais lindo que li hoje...

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  10. Um silencio que se poesia.
    Maravilhoso!!!
    Bom domingo
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  11. O Nocturno de Chopin. Um poema. O silêncio que o coração reclama…
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Neste Silêncio do Poema só cabe Música
      para corações sensíveis!...

      Meus votos de uma semana feliz e na paz!
      Um beijo.

      Excluir
  12. Por dentro o caderno é mais rico, beijos

    ResponderExcluir

Este é um espaço importante para você deixar inscrito:

A sua presença,

O seu sentir,

A sua leitura,

A sua palavra.

Grata por compartilhar este momento de leitura aqui!

Abraço de Paz!

Suzete Brainer.