domingo, 15 de junho de 2014

Chama








Chama
a sombra
da luz que arde
em chama...

Chama o nome
que acende
a tua chama...

O teu fogo pleno
clama
e chama...


Suzete Brainer (Direitos autorais registrados)

Imagem: Obra de Andrew Atroshenko. 




14 comentários:

  1. Olá Suzete,
    A luz duma chama que não nos permite ver as sombras que luz provoca.
    Um abrço amigo,
    Jorge

    ResponderExcluir
  2. o verso ateia e arde nos fonemas

    bjo amigo

    ResponderExcluir
  3. A chama, do amor, da paixzão, do corpo, é vital e contagia...

    beijo amigo

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso poema.
    Grande, ainda que com poucas palavras.
    Tem uma boa semana, querida amiga Suzete.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  5. Oi Suzete!

    A sua marca originalidade e inspiração aparece novamente
    neste belo poema, chama (chamamento) e chama (fogo),significados
    plenos na entrega do ser amado com a dança da paixão que incendeia...

    A melodia do fogo do sentir, soberbo!

    Felipe (seu fã).

    ResponderExcluir
  6. Su,

    Uau... Um poema de uma sensualidade feminina, delicada e

    envolvente...

    Uma dança do sentir (fogo) do vermelho paixão, adorei!!!

    Beijinhos.

    Ps: Torcer para o nosso Brasil...

    Nara.

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde, Suzete.
    Adorável poesia, amei o encanto da chama que tem o poder forte de nos prender em paixão e desejo.
    Parabéns.
    Tenha uma semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  8. Oi Suzete !
    Muito lindo !!!
    Um abraco do Lituania !

    - GLUOSNIS -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada,Gluosnis!

      Gostei muito da visita tão gentil...

      Um abraço (meu) do Brasil!

      Excluir
  9. Gostei imenso, querida amiga, deste jogo de palavras para expressar a vontade da união plena da afetividade. A chama que (re)acende a paixão...
    Adorei ler (-te)!
    Bjoss :) :)

    ResponderExcluir
  10. Chama, chama e chama, claras demonstrações de quem ama, Suzete! Meu beijo.

    ResponderExcluir
  11. Chama-nos o verso que arde de encanto!
    Mil beijos.

    ResponderExcluir
  12. O ardor ou o chamamento do sentir?
    bj

    ResponderExcluir
  13. sempre existe uma chama que fala que grita

    chama...como fogo e vento


    gostei muito da forma como usaste as palavras
    dando-lhes diferentes sentidos

    beijinho :)

    ResponderExcluir

Este é um espaço importante para você deixar inscrito:

A sua presença,

O seu sentir,

A sua leitura,

A sua palavra.

Grata por compartilhar este momento de leitura aqui!

Abraço de Paz!

Suzete Brainer.